Pasta de dente infantil. Qualquer uma serve?


Tandy, Bitufo, Oral-B Stages, Malvatrikids, Colgate Smiles… são tantas as pastas dentais infantis que deve confundir a cabeça dos pais preocupados com a saúde bucal de seus pequenos. Mas a dúvida principal é: Posso escovar os dentes do meu filho com qualquer pasta?

A resposta é clara, NÃO! Não apenas pela qualidade da pasta, mas pela quantidade de flúor presente no produto. As pastas infantis devem  ser diferentes de acordo com a idade e principalmente, de acordo com a necessidade de flúor na dentição!

Como já explicamos em outro post aqui do Abla Blog, a limpeza da boca das crianças deve ocorrer desde o nascimento, primeiramente com gaze ou uma fralda de pano limpa. Ao nascerem os dentes, é importante fazer a higienização com escova de dentes macia, recomendada para a idade e utilizando pasta de dentes sem flúor.  

Quando a criança já é capaz de cuspir, é possível começar a usar as pastas com a quantidade própria de flúor, mas é importante que a quantidade de pasta na escova seja semelhante a um grão de ervilha e que a boca seja bem enxaguada após a escovação. Além disso, é recomendado que as pastas de dente fiquem fora do alcance das crianças e que estas sejam supervisionadas por responsáveis durante a escovação, para evitar a ingestão excessiva de flúor.

Mas, espera… então o flúor pode fazer mal para os dentes das crianças? Não é bem assim, o flúor age na prevenção da cárie, porém, sua ingestão em excesso pode causar a fluorose, que é um defeito no esmalte do dente causado pelo consumo excessivo de flúor durante a fase de formação dos dentinhos.

Isso acontece também pois não só as pastas de dentes, mas a água que bebemos, vitaminas e medicamentos, enxaguantes bucais, entre muitas outras coisas, possuem flúor e aumentam o consumo deste produto pelo organismo.

O mais correto a se fazer é consultar um dos nossos especialistas para saber qual é a pasta dental indicada para a saúde bucal do seu filho! Apenas um profissional pode indicar o método mais seguro para a prevenção da cárie e da fluorose dentária.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não pode ser publicado.