Ortodontia: 7 benefícios que vão muito além do que você imagina

A  saúde bucal vai muito além da estética e a ortodontia tem papel fundamental no tratamento e também na prevenção de problemas bucais. Entenda no post de hoje!

Quando pensamos em aparelhos ortodônticos logo pensamos na correção dos dentes pela estética, não é mesmo? Um sorriso bonito é sempre atrativo e faz com que a gente se sinta mais bonito, atraente e com a autoestima lá em cima. 

Os benefícios da ortodontia são muitos, e os aparelhos são recomendados normalmente para melhorar o aspecto “orofacial” do paciente. 

Além da aparência da arcada dentária, através do tratamento ortodôntico podem ser corrigidos também problemas como dentes desalinhados ou apinhados, sobremordida, prognatismo, posição incorreta do maxilar e distúrbios das articulações do maxilar. 

Alguns desses problemas quando não tratados podem trazer consequências graves para o paciente, como dores, desconfortos e até dificuldades na fala. 

No artigo de hoje vamos esclarecer quais os benefícios da ortodontia na correção de problemas bucais. Vamos lá?

 

O que é um aparelho ortodôntico?

Antes de saber quais os benefícios da ortodontia, vamos entender um pouco mais sobre os aparelhos ortodônticos.

A ortodontia evoluiu muito e atualmente os aparelhos são altamente tecnológicos, leves, práticos, indolores e confortáveis. 

Os aparelhos ortodônticos são indispensáveis para a reposição dental e até óssea das estruturas dispostas na cavidade oral. 

São ferramentas essenciais para o tratamento de alterações e também como terapia assistencial para outros problemas secundários: periodontites, dores de cabeça e entre outras patologias. 

 

Tipos de aparelhos ortodônticos

O tipo mais popular são os brackets, de metal ou plástico, e também é constituído pelo fio ortodôntico, borrachinhas, possuindo ou não anel do dente, que vai depender de cada caso.

Depois temos os aparelhos removíveis ou móveis, que tem basicamente duas funções específicas: atuar com finalidade ortodôntica realizando pequenas movimentações no posicionamento dos dentes do paciente, ou com finalidade ortopédica, promovendo alterações ósseas importantes para a arcada dentária.

E para finalizar, temos os alinhadores, também conhecidos como “aparelhos invisíveis”. São um dos modelos mais modernos existentes atualmente, pois são confeccionados com a ajuda de softwares específicos, sob medida, de acordo com a arcada dentária do paciente.

 

Benefícios da ortodontia

A ortodontia atua não só no tratamento, mas também na prevenção de problemas bucais, evitando até a perda de dentes.

O dentista especializado avalia a situação do paciente e define qual o tratamento ortodôntico será mais adequado, se precisa ou não de um aparelho e ainda, quais tipos de correção ele pode ajudar a reverter.

Separamos aqui os 7 principais benefícios que a ortodontia pode trazer para o paciente, seja no alívio de dores, correções estéticas ou mordidas. Vamos lá:

 

1. Correção de dentes tortos

Um dos problemas mais comuns de quem usa aparelho, é sem dúvidas os dentes tortos que pode ser um indicativo de que algo está errado na arcada do paciente. 

Apesar de comum, não é uma regra, ou seja, nem sempre pessoas com dentes desalinhados precisarão desse tipo de intervenção. Tudo vai depender da avaliação do dentista e também de quais consequências esse desalinhamento traz para o paciente, além da estética.

 

2. Correção de dentes separados

Os famosos diastemas, ou dentes separados, também podem ser um indicativo da necessidade do uso de aparelhos.

Embora não seja necessariamente um problema de saúde bucal, pode trazer algum incômodo estético, especialmente quando o espaçamento é excessivo.

Mas, se o afastamento dos dentes for progressivo, com o passar dos anos pode gerar problemas graves na mordida e consequências negativas para a saúde.

 

3. Correção da mordida torta 

Conhecido como apinhamento dos dentes, é um dos principais problemas de mordida e também é uma razão para o uso de aparelhos.

Alterações na estrutura mandibular podem fazer com que a mordida seja prejudicada e, a longo prazo, pode gerar uma série de efeitos negativos, como dores de cabeça ou nos ossos da face.

 

4. Dores na mandíbula

As dores na mandíbula podem ter muitas causas, entre elas os distúrbios da articulação temporomandibular (ATM), que é uma das articulações mais complexas do nosso corpo, responsável pelo movimento de abrir e fechar a boca.

Além disso, problemas com dentes desalinhados ou mordidas inadequadas também podem causar dores na mandíbula.

Para os casos mais graves a cirurgia ortognática é recomendada para solucionar os problemas, mas na maioria das vezes, o uso de aparelhos ortodônticos é o suficiente para acabar com essas dores.

 

5. Possíveis dificuldades na fala

As dificuldades na fala podem ter diversas origens, mas uma das causas também pode ser por conta do desalinhamento dentário. 

Para podermos articular as palavras corretamente, utilizamos diversas estruturas, entre elas a língua e os dentes. 

Dentes tortos ou desalinhados podem prejudicar a formação de sons, atrapalhando assim, a pronúncia correta de palavras.

 

6. Alívio de dores de cabeça

Os dentes tortos também podem causar dores de cabeça. Muitas vezes o paciente não se dá conta de que o problema está na arcada dentária e sofre com dores constantes, prejudicando a sua qualidade de vida.

São dores fortes, que não costumam passar com o uso de analgésicos, já que a dor pode estar sendo causada pela compressão dos nervos da face.

 

7. Alívio de dores no ouvido

Parece improvável, mas problemas bucais podem causar dor nos ouvidos. Por serem estruturas muito próximas ao maxilar, os ouvidos também sofrem interferência de problemas nessa região, causando desconforto, dor e até zumbidos.

Como vimos, os benefícios da ortodontia são muitos e pode ajudar a melhorar significativamente a qualidade de vida de quem sofre com patologias e incômodos de origem orofacial.

Gostou de saber mais sobre o assunto? Que tal entrar em contato com a nossa equipe e agendar uma avaliação? Fale conosco!

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não pode ser publicado.