Mau hálito tem salvação?

A halitose, nome técnico do famoso mau hálito, pode estar relacionada a problemas gástricos, mas em cerca de 90% dos casos, a disfunção está totalmente dentro da boca.

Existem mais de 40 causas para o mau hálito. O maior motivo, em qualquer uma das situações, é a higiene bucal feita de maneira errada. Uma má escovação causa acúmulo de alimentos entre os dentes, na língua e gengivas. Os resíduos desses alimentos são dissolvidos pelas bactérias que vivem na boca causando o cheiro forte, além de diversos  outros problemas como placa bacteriana, periodontite e boca seca. 

Além dos motivos citados acima, estresse, dietas muito restritivas, mudanças hormonais e alimentos com cheiro forte também podem causar halitose. 

Você deve estar se perguntando: E aquele “bafo” matinal?

O mau hálito de manhã é muito comum e não acontece só para quem tem doenças bucais.  Muitas horas sem comer em conjunto com a redução natural na produção de saliva durante o sono, são os principais motivos do odor.

Fique atento, se após tomar café da manhã e escovar os dentes o cheiro continuar, a halitose pode estar na área. 

É importante ressaltar que nem sempre a pessoa sabe que tem mau hálito. Normalmente, ela está acostumada com o cheiro e não sente, por isso é sempre bom fazer visitas periódicas ao seu dentista.

Para bocas saudáveis, as recomendações para evitar o mau hálito no dia a dia não são nada complicadas. É preciso apenas beber bastante água e higienizar bem a boca.

De qualquer forma, os dentistas da Clínica Abla são os melhores profissionais para fazerem uma avaliação e tratar qualquer problema bucal que esteja impedindo você de ter um hálito refrescante.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não pode ser publicado.